Sem categoria

Presidente Bolsonaro extingue seguro obrigatório que indeniza vítimas de trânsito

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) extinguiu o seguro obrigatório do DPVAT e o DPEM a partir de 2020. O anunciou da medida provisória (MP) foi feito nesta segunda-feira (11).

Apesar da decisão, vale ressaltar que o DPVAT é utilizado para que vítimas de acidente de trânsito sejam indenizadas. O segundo visa vítimas de danos causados por embarcações. “A Medida Provisória tem o potencial de evitar fraudes no DPVAT, bem como amenizar/extinguir os elevados custos de supervisão e de regulação do DPVAT por parte do setor público (Susep, Ministério da Economia, Poder Judiciário, Ministério Público, TCU), viabilizando o cumprimento das recomendações do TCU pela SUSEP”, diz o governo em nota.

Com a decisão, a medida provisória que acaba com o DPVAT e com o DPEM entra em vigor assim que for publicada no “Diário Oficial da União”. Para fazer valer a MP, o Congresso precisa aprová-la em 120 dias.

Conforme a Seguradora Líder, gestora do DPVAT, no primeiro semestre deste ano foram pagas 18.841 indenizações por morte, 103.068 indenizações por invalidez permanente e 33.123 indenizações para despesas médicas.

LEIA MAIS;

Salvador tem primeiro caso suspeito de intoxicação por óleo nas praias

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, precisamos de anúncios para que possamos continuar te mostrando informações de credibilidade. Recomendamos que você desative o Adblock.