CarnavalNotícias

Mudança do Garcia: Feijoada quase centenária mantém tradição passada de mãe para filho

João Barroso, filho de Dona Zuzu, mantém tradição centenária que tem destaque na Mudança do Garcia

A Mudança do Garcia, na segunda-feira de Carnaval de Salvador, além do movimento que mistura irreverência e o chamamento as causas sociais e políticas, também tem como destaque uma tradição passada da mãe para os filhos: a feijoada de Dona Zuzu.

 

A matriarca da família partiu há 12 anos, mas um dos filhos, José Barroso, de 79 anos, ficou como um dos responsáveis por tomar conta do espaço que, durante o Carnaval, ferve com a presença de amigos, personalidades e até mesmo de políticos.

 

“Essa é uma tradição antiga, há notícias de que o Carnaval de 1930, enquanto só se falava da eleição presidencial, nos jornais a mudança do Garcia também tinha destaque se falava da mudança do Garcia” relevou Barroso. Desde então, a feijoada também ganhou seu espaço no movimento.

Sobre o nome, Mudança do Garcia, ele comentou que, inicialmente, o movimento era chamado de Arranca Toco, devido as influências das religiões de matriz africana. Posteriormente, passou a se chamar Faxina do Garcia. Por último, o nome atual se deveu a urbanização da região, que era carente de, por exemplo, asfaltamento e energia elétrica.

Crédito bocão News

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo
Fechar

AdBlocker Detectado

Por favor desative seu Ad Blocker ou nos adicione como exceção.