Saúde

Vacina da Pfizer reduz risco de infecção em 51% após 13 dias da 1º dose

Um estudo conduzido por Israel mostrou que o risco de infecção pelo Covid-19, cai 51,4% de 13 a 24 dias depois da aplicação da 1ª dose da vacina da Pfizer/BioNTech. A efetividade contra casos sintomáticos da doença é de 54%. Os resultados do estudo foram publicados nesta segunda-feira (7) no Jama (Journal of the American Medical Association).

O estudo foi dividido em duas partes, dos primeiros 12 dias após a aplicação do imunizante e depois do 13º ao 24º dia. A segunda dose não foi levada em conta para o levantamento. A pesquisa foi realizada com dados de mais de 500 mil pessoas.

Segundo Organização Mundial da Saúde (OMS), o nível mínimo aceitável de eficácia para uso emergencial de uma vacina contra a covid-19 é de 50%. A vacina da Pfizer seria considerada suficiente para proteger a população a partir da primeira aplicação. Estudos realizados anteriormente comprovaram que esse imunizante tem eficácia de 91% após as duas doses.

LEIA MAIS;

Idoso morre após acidente no bairro do Comércio

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, precisamos de anúncios para que possamos continuar te mostrando informações de credibilidade. Recomendamos que você desative o Adblock.