Comunidade

Movimento Hip Hop promove ação de Graffiti no Bairro da Santa Cruz

Projetos que visam a incentivar a cultura e a cidadania vêm ganhando força no Nordeste de Amaralina e região. É cada vez maior a participação da comunidade em movimentos sociais. A iniciativa de grupos que desenvolvem e organizam projetos mostra que a periferia também é um lugar de criatividade.

Foto: reprodução

O Salvador Hip Hop 2018, que aconteceu no Parque da Cidade e como contrapartida social, em parceria com a Ação H2.NA promoveu uma pintura no muro que da acesso ao parque e fica na comunidade da Santa Cruz, na localidade da Nova República. “A ação é mais uma intervenção artística cultural usando o Graffiti e a pintura como convite a moradores independentes da faixa etária participarem e deixarem sua marca e criatividade na comunidade onde vivem” afirma o rapper e empreendedor social Mr. Armeng, curador do Salvador Hip Hop e diretor da Ação H2.NA.

A entidade que surgiu com intuito de promover ações positivas, tem mudado a dura realidade dos jovens e adolescentes da comunidade do Bairro da Santa Cruz e região. O projeto tem o objetivo de ajudar na articulação dos jovens com os movimentos sociais, promovendo a cidadania e a inclusão.

Redação União Notícias

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, precisamos de anúncios para que possamos continuar te mostrando informações de credibilidade. Recomendamos que você desative o Adblock.