Brasil

Greve deve persistir enquanto preço do diesel não cair nas bombas, diz um dos líderes dos caminhoneiros

O preço do diesel só deve cair de maneira mais efetiva depois que o Congresso aprovar o projeto da reoneração da folha de pagamento das empresas e a proposta foi sancionada pelo presidente Michel Temer.

 

A greve dos caminhoneiros deve persistir enquanto o preço do diesel não cair nas bombas. Isso é o que garante o presidente da União Nacional dos Caminhoneiros (Unicam), José Araújo Silva (China), apesar de outros representantes afirmaram que o acordo atendia às reinvindicações da categoria e aprovavam o retorno ao trabalho.

 

Segundo O Globo, China reconheceu que o governo atendeu a todos os pedidos da categoria. Ele disse que está informando os termos do acordo, fechado no domingo, aos líderes do movimento em 12 estados, mas que alguns já disseram que a paralisação vai continuar, já que o preço do diesel continua o mesmo na bomba.

 

O preço do diesel só deve cair de maneira mais efetiva depois que o Congresso aprovar o projeto da reoneração da folha de pagamento das empresas e a proposta foi sancionada pelo presidente Michel Temer.

 

No fim da noite de domingo (27), as três medidas provisórias para atender às demandas dos caminhoneiros saíram em edição extra do Diário Oficial da União.

Fonte Agência Brasil

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Fechar
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios