União Notícias

Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente elege representantes da Sociedade Civil

A eleição se iniciou às 8 horas da manhã, com a instalação da comissão eleitoral, escolhida entres os participantes, para conduzir os trabalhos, sob a fiscalização do Ministério Público do Estado da Bahia

O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA),  elegeu nesta quinta-feira (12), os novos representantes da Sociedade Civil, para o biênio 2018-2020. A eleição ocorreu na sede do órgão municipal, que fica localizado na Avenida Joana Angélica, Nazaré, na lateral do Prédio da PREVIS (antigo IPS).A eleição se iniciou às 8 horas da manhã, com a instalação da comissão eleitoral, escolhida entres os participantes, para conduzir os trabalhos, sob a fiscalização do Ministério Público do Estado da Bahia, representado neste ato pela Promotora Karine Espinheira. A votação ocorreu durante todo o período da manhã, e contou com a participação dos dirigentes de trintas e nove Organizações da Sociedade Civil, que se habilitaram como candidatas e votantes, para participarem do pleito.

Foto: Divulgação

Os setes novos representantes da Sociedade Civil, eleitos para o biênio 2018-2020, foram as instituições Lar Pérolas de Cristo, ACOPAMEC, IBCM, Associação Dom Bosco, o CECOM, o Lar da Criança e a União Santa Cruz. Na mesma ocasião Renildo Barbosa, da Instituição Assistencial Beneficente Conceição Macedo (IBCM), foi eleito o novo Presidente para presidir o colegiado, durante os próximos 02 anos.

A missão do conselho como órgão deliberativo, é elaborar as políticas públicas que garantam os direitos das crianças e dos adolescentes, articulando ações junto ao Poder Executivo e a Câmara Municipal. Os representantes da gestão municipal, ainda serão indicados pelo Prefeito ACM Neto, dentre eles um assumirá a Vice-Presidência do Colegiado.

 

Renildo Barbosa, que já presidiu o CMDCA no biênio 2010-2012, falou para a nossa equipe irá trabalhar para fortalecer a rede de proteção às crianças e aos adolescentes do município. “Queremos cada vez mais melhorar o diálogo com a nossa rede e investir na formação dos nossos conselheiros tutelares, além de apoiar as instituições que pretendem desenvolver projetos sociais, voltados para o nosso público” finalizou.

 

 

Redação União Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Close