Politica

Rui Costa afirma que “não existe possibilidade” de o ano letivo ser cancelado por conta da pandemia

O governador Rui Costa (PT) afirmou que o ano letivo de 2020 não será cancelado na Bahia. A declaração foi dada durante uma conversa com a imprensa do Recôncavo Baiano e do Baixo Sul, transmitida pelas redes sociais nesta quinta-feira (28/5). “Não existe possibilidade de cancelamento. Muito provavelmente as aulas irão atravessar esse ano e serão concluídas em 2021. Iremos fazer um grande mutirão pela educação para superar esse período, com aulas extras, em turnos opostos e nos finais de semana. Será um ano atípico, mas não podemos prejudicar o ciclo escolar de nossos milhares de jovens e crianças”, disse.

Rui aproveitou a oportunidade para falar sobre as estratégias de enfrentamento do novo coronavírus na região. “Temos o hospital de Santo Antônio de Jesus no Recôncavo, que conta com leitos de UTI e está equipado para receber os pacientes que necessitam de atendimento mais complexo, mas precisamos também de uma unidade que possa atender regionalmente, fazendo a triagem de pacientes. Estou conversando com os prefeitos e articulando uma ação unificada para a criação de uma unidade assim, como fizemos em outras regiões, transformando UPAs que estavam fechadas em unidades exclusivas de atendimento”, explicou.

O governador falou, ainda, sobre a dificuldade em conseguir respiradores para implantar novos leitos de UTI na Bahia. “Nenhum sistema de saúde do mundo está preparado com leitos de UTI suficientes para lidar com uma pandemia dessas; estão faltando leitos, médicos e equipamentos nos países mais ricos, com os melhores sistemas de saúde do mundo. Por isso, eu faço o meu apelo para que as pessoas evitem criar aglomerações e fiquem em casa. O isolamento social é a única forma efetiva de combate ao vírus”, desabafou.

 

Fonte: Aratu Online

LEIA MAIS;

“Coronavoucher”: Caixa abrirá 2.200 agências neste sábado para cumprir calendário de pagamentos; confira

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, precisamos de anúncios para que possamos continuar te mostrando informações de credibilidade. Recomendamos que você desative o Adblock.