NotíciasSalvador

Rodoviários prometem paralisação caso linhas de ônibus sejam extintas: “vamos travar a cidade”

O vice-presidente do Sindicato dos Rodoviários da Bahia, Fábio Primo, voltou a falar em paralisação do sistema de transporte caso a suposta extinção de 100 linhas de ônibus que fazem o mesmo trajeto do metrô, em Salvador, se concretize. Em entrevista ao apresentador José Eduardo na Rádio Metrópole, nesta sexta-feira (30), Primo prometeu “deixar todos os ônibus nas garagens” caso não haja um consenso com o governo do Estado e prefeitura a respeito do assunto.

 

“Não estamos fazendo ameaça, mas se eles insistirem na retirada dessas linhas, vamos fazer grandes manifestações, vamos travar a cidade, vamos deixar todos os ônibus nas garagens, vamos parar todas as bacias. Temos um exército grande, a categoria está unida e não vamos aceitar perder postos de trabalho. Essa luta não é só nossa, é de todos, porque menos ônibus, gera menos economia na cidade, ou seja, todos serão prejudicados”, disse.

 

Na ocasião, o vice-presidente do sindicato sugeriu a criação de novas linhas de ônibus para atender a alta demanda do sistema metroviário. “No horário de pico no metrô, os vagões estão superlotados e eles querem colocar mais 200 mil usuários. Ao invés de tirar essas linhas, porque eles não criam outras e dão opções para a população?”, indagou.

 

Segundo Primo, mais de três mil rodoviários foram demitidos após o início do funcionamento do metrô na capital baiana. “Desde a chegada do metrô, 3.680 rodoviários foram demitidos. Esse número, são os trabalhadores que homologaram no sindicato, mas tem ainda os trabalhadores que têm menos de um ano e que homologam na própria empresa”, explicou.

 

Ele disse ainda “contar com o bom senso” do governo do Estado, Prefeitura e Ministério Público. “Acredito que eles vão entender que essa categoria é muito importante para a cidade e a retirada dessas 100 linhas vai prejudicar toda a cidade”, afirmou.

Fonte: Bocão News 

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios