Politica

Operação PF entra No Gabinete do ex-presidente da Assembleia legislativa da Bahia

Os mandados foram expedidos pelo Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), com base em representação formulada pela Procuradoria Regional Eleitoral na Bahia (PRE-BA)

Polícia Federal realiza, na manhã desta quarta-feira (13), a Operação Opinião. Como prinicpal alvo está o deputado estadual e ex-presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-Ba), Marcelo Nilo.

 

Agentes da PF chegaram por volta das 7h40 na casa legislativa e indicou como testemunha a recepcionista do prédio para acompanhar as buscas dentro do gabinete do parlamentar. Além da recepcionista, um policial militar também é testemunha. Além da AL-Ba, mais sete endereços são alvos da operação. Entre eles: casa de Nilo, no Horto Florestal, casa da irmã de Nilo, na Federação, secretaria da Fazenda, no CAB e também a sede da Embasa, na capital baiana.

 

Os mandados foram expedidos pelo Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), com base em representação formulada pela Procuradoria Regional Eleitoral na Bahia (PRE-BA), em procedimento que investiga o crime de falsidade eleitoral, previsto no artigo 350 do Código Eleitoral, envolvendo a empresa Bahia Pesquisa e Estatística LTDA (Babesp).

 

Segundo o MPE, os fatos são objeto de investigações em andamento tanto no órgão quanto na Polícia Federal, que buscam apurar se o deputado prestou informação falsa à Justiça Eleitoral, havendo indícios de que ele seria o controlador de fato da Babesp e que utilizaria a referida pessoa jurídica para contabilização fraudulenta de recursos utilizados de maneira ilegal em campanhas políticas, o que se costuma chamar de “caixa 2”. Além disso, há suspeita de possível manipulação do resultado das pesquisas eleitorais divulgadas por aquela empresa.

 

Fonte Bocão News

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios