Politica

Ministro Edson Fachin concede regime semiaberto a Geddel Vieira Lima, condenado no caso do bunker dos R$ 51 milhões

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) condedeu progessão ao regime semiaberto ao ex-ministro Geddel Vieira Lima. Ele foi condenado por lavagem de dinheiro e associação criminosa no caso do “bunker” com R$ 51 milhões, encontrado no bairro da Graça, em Salvador.

A defesa de Geddel pediu ao Supremo a concessão para o semiaberto no último dia 3 de setembro.

Antes disso, Fachin havia imposto o pagamento da multa como requisito para a progressão ao semiaberto. Agora, o ministro do STF disse que está comprovado o recolhimento do valor definido a título de multa penal.

LEIA MAIS;

Porto da Barra terá fiscalização reforçada neste fim de semana

 

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo
Fechar

AdBlocker Detectado

Por favor desative seu Ad Blocker ou nos adicione como exceção.