BahiaComunidadeNotícias

Justificativa de Bolsonaro para presença de Queiroz em Atibaia surpreende aliados do presidente

A justificativa do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para a presença do amigo da família e ex-assessor de seu filho, Fabrício Queiroz, que é investigado por um suposto esquema de rachadinha no gabinete de Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) quando era deputado estadual, na casa do advogado da família surpreendeu aliados do presidente. A informação foi dada pelo colunista Gerson Camarotti em seu blog no G1.

Bolsonaro declarou que Queiroz estava em Atibaia por conta da proximidade com o hospital que o investigado fazia tratamento de saúde.  “E por que estava naquela região de São Paulo? Porque é perto do hospital onde faz tratamento de câncer. Então, esse é o quadro. Da minha parte, está encerrado aí o caso Queiroz”, disse Bolsonaro em live.

De acordo com o G1, investigadores não identificaram deslocamento do ex-assessor para hospitais. Ainda segundo os investigadores, os fatos apreciados apontam que Queiroz estava escondido no imóvel.

Em nota divulgada nesta sexta, o Hospital Novo Atibaia fez o seguinte esclarecimento: 

“O Hospital Novo Atibaia esclarece que Fabrício Queiroz, preso na manhã de ontem em Atibaia, não estava em tratamento de saúde contínuo nesta instituição como consequência de uma doença progressiva. Em janeiro e abril deste ano, o mesmo esteve no Hospital Novo Atibaia em consultas de especialidades diferentes e, em maio, realizou exames laboratoriais”.

 

As informações são do Bocão News

LEIA MAIS;

“Foi Queiroz que inventou esse negócio de isolamento social”, ironiza Suíca

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, precisamos de anúncios para que possamos continuar te mostrando informações de credibilidade. Recomendamos que você desative o Adblock.