Salvador

Ferroviários demitidos após extinção dos trens do subúrbio protestam na Calçada

Manifestantes bloquearam a via com pneus e outros materiais incendiados

Ferroviários demitidos após desativação dos trens do Subúrbio Ferroviário de Salvador realizaram um protesto na manhã desta quinta-feira (11), na região do Largo da Calçada.  Manifestantes e integrantes do sindicato SindiFerro bloquearam o trânsito queimando pneus e diversos materiais na via em frente à estação de trem.

A categoria pede o cumprimento de um plano de demissão incentivada e outros benefícios que teriam sido prometidos pela Companhia de Transportes da Bahia (CTB) após a desativação do sistema em fevereiro do ano passado.

Os ferroviários alegam que a companhia chegou a assinar o acordo, mas não colocou em prática.  A categoria pede ainda a revogação das horas extras, um laudo do perfil profissional e do plano de cargos e salários.

Segundo a Transalvador, inicialmente o trânsito foi bloqueado pelos manifestantes, o que causou congestionamento na região. Agora o fluxo segue intenso, mas voltando ao normal, de acordo com informações do órgão de trânsito.

LEIA MAIS;

Nordeste tem gasolina a mais cara do país e fecha julho com preço 4,4% acima da média nacional

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo
Fechar

AdBlocker Detectado

Por favor desative seu Ad Blocker ou nos adicione como exceção.