Brasil

Exército veta fuzil para cidadão comum e libera pistolas 9 mm e .45

O Exército Brasileiro vetou a compra de fuzis por cidadãos comuns e liberou o acesso a pistolas 9mm e a .45., antes classificadas de uso restrito das forças de segurança. As regras constam de uma portaria publicada nesta quinta-feira (15) no Diário Oficial da União.

A regra foi definida depois que decreto do presidente Jair Bolsonaro ampliou o acesso a qualquer cidadão de armas que até então eram consideradas de uso restrito das forças policiais. O decreto deu prazo para o Exército estabelecer que armas poderiam ser de uso permitido ou restrito.

A portaria define quais armas são classificadas de uso permitido, que podem ser adquirido por qualquer pessoa que cumpra os requisitos legais para ter uma arma; e as de uso restrito, que só podem ser usados por categorias específicas.

Os fuzis de diversos calibres, como 5.56mm e 7.62mm, foram classificados como restritos – ou seja, não podem ser adquiridos pelo cidadão comum. Já pistolas como a 9mm Parabellum e a 45 Glock Automatic foram classificadas como de uso permitido.

 

Fonte: Bocão News

LEIA MAIS;

TV Bahia tem novo diretor de programação

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios