Politica

Ex-candidata do PSL em Minas Gerais afirma que ministro do Turismo sabia de esquema de lavagem de dinheiro

professora e ex-candidata a deputada estadual pelo PSL de Minas Gerais, Cleuzenir Barbosa, sob a presidência do atual ministro do Turismo Marcelo Álvaro Antônio, afirma ter havido um esquema de lavagem de dinheiro público praticado pela sigla.

A informação foi dada durante entrevista à Folha de S. Paulo. “Nós mulheres iríamos lavar o dinheiro para eles. Esse era o esquema. O dinheiro viria para mim e retornaria para eles”, ressaltou.

Álvaro Antônio era o responsável pela montagem das chapas em Minas. A publicação afirma que parte do dinheiro público foi direcionado a quatro candidatas do PSL mineiro apenas para preencher a cota feminina de 30% das candidaturas e de verba eleitoral.

O dinheiro enviado a elas foi parar na conta de empresas de assessores, parentes ou sócios de ex-assessores do atual ministro do Turismo.

LEIA MAIS;

Bolsonaro assina Projeto de Lei Anticrime

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo
Fechar

AdBlocker Detectado

Por favor desative seu Ad Blocker ou nos adicione como exceção.