Politica

Após chacina no bairro do Uruguai, Rui Costa proíbe festas “paredão” sem comunicação prévia

O governador Rui Costa (PT) anunciou, na tarde de ontem quarta-feira (13), que não permitirá festas “paredão” na Bahia. A decisão é tomada após seis pessoas morrerem em um tiroteio ocorrido em um paredão no bairro do Uruguai, em Salvador, entre a noite de terça (12) e a madrugada de hoje.

Agora, de acordo com o gestor, para realizar esse tipo de festa será necessário pedir autorização das prefeituras e comunicar à Polícia Militar. “Não vamos permitir mais nenhuma festa de paredão na Bahia. Para festas serem realizadas fechando ruas, as prefeituras precisarão autorizar e comunicar à Polícia Militar previamente. Caso não haja autorização prévia, a PM deverá apreender os equipamentos sonoros”, disse Rui.

Crime

Um tiroteio foi promovido em uma festa paredão ocorrida no bairro do Uruguai. Os tiros deixaram pelo menos 15 pessoas feridas e seis mortas, duas delas morreram no local e o restante, no hospital.

Nesta quarta (13), dois suspeitos de cometer o crime foram presos. O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), contudo, ainda trabalha na identificação de outros suspeitos e na descoberta do que teria motivado o crime.

 

LEIA MAIS;

Governos do PT fracassaram no combate à violência, diz ACM Neto em novo ataque a Rui

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, precisamos de anúncios para que possamos continuar te mostrando informações de credibilidade. Recomendamos que você desative o Adblock.