CoronavirusEntretenimento

Aos 42 anos, ator Paulo Gustavo morre vítima da Covid-19

Humorista estava internado desde 13 de março e não resistiu às complicações da doença

O ator e humorista Paulo Gustavo morreu neta terça-feira (4) vítima da Covid-19. O artista estava internado desde o dia 13 de março e não resistiu às complicações da doença. Paulo estava em UTI.  O ator foi diagnosticado na noite da última segunda-feira (3) com embolia pulmonar o que gerou uma piora significativa no quadro de saúde do artista. Nesta terça, novo boletim informou que o ator estava com quadro irreversível, mas ainda mantinha os sinais vitais. Às 21h12, no entanto, foi constatada a morte de Paulo Gustavo.

Em quase dois meses de internamento, o artista chegou a precisar da ajuda de ventilação mecânica desde o final de março. Os médicos ainda recorreram ao uso de ECMO, máquina que funciona como pulmão artificial e oxigena o sangue fora do corpo. Antes da piora que levou à sua morte, o artista ainda chegou a apresentar melhoras significativas. O artista teve, inclusive, a quantidade de sedativos e bloqueadores reduzida e conseguiu interagir interagir com médicos e também com o marido, Thales Bretas, ainda na tarde de domingo. À noite,, foi diagnosticada a embolia.

Paulo Gustavo ficou conhecido por programas de humor como Vai Que Cola e 220 Volts, exibidos pelo  Multishow e com os filmes da franquia Minha Mãe é uma Peça – inspirados no espetáculo teatral de mesmo nome escrito e dirigido por Paulo e inspirado na sua relação com sua mãe. O ator deixa o marido, o dermatologista Thales Bretas, e dois filhos, Gael e Romeu que completam três anos em 2021.

Fonte: Metro1

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, precisamos de anúncios para que possamos continuar te mostrando informações de credibilidade. Recomendamos que você desative o Adblock.